Tráfego orgânico – Tudo que você precisa saber sobre!

Muito se tem falando sobre a importância do tráfego orgânico para trabalhar na internet.

Isso porque, ele oferece mais visibilidade para a sua marca, potencializando os resultados das suas ações.

Contudo, geralmente, muitos conteúdos não falam o quão difícil é conseguir resultados por meio dessa estratégia.

Aliás, é exatamente por conta das informações rasas que diversos empreendedores digitais acreditam que ter um bom tráfego organicamente é algo muito difícil e até impossível.

No entanto, ele realmente possível, mas para isso você precisa saber como colocá-lo em prática.

Todavia, antes disso, é preciso entender um pouco mais sobre ele, compreendendo o seu conceito, bem como as diferenças dele para o tráfego pago.

Sendo assim, abaixo está todas as informações mais relevantes referentes ao tráfego orgânico que você precisa conhecer.

Mas afinal, o que é tráfego orgânico?

mas afinal, o que é trafego orgânico?

O tráfego orgânico é aquele que acontece de forma totalmente espontânea.

Desse modo, isso significa que não existe um investimento financeiro direto para que ele traga resultados.

Portanto, nesse tipo de situação, para ter resultados, o seu trabalho deve ser focado intensamente no marketing de conteúdo.

Afinal de contas, grande parte das visitas que chegam em um site ou blog acontecem por meio de uma pesquisa feita nos mecanismos de buscas, como o Google, por exemplo.

Em razão disso, a criação de conteúdo é uma ação fundamental para você que deseja ter um maior número de visitas na sua página organicamente.

Contudo, isso não é feito de forma aleatória, é essencial que os artigos sejam relevantes e que despertem o interesse do seu público.

Além desse detalhe, para que as pessoas cheguem até o seu blog, ainda é fundamental que os artigos desenvolvidos estejam otimizados para SEO.

Inclusive, um dos grandes sonhos de quem trabalha hoje com a internet é conseguir grande parte do seu tráfego de modo orgânico.

Entretanto, os resultados obtidos por meio dessa estratégia tendem a demorar, mas ainda assim vale bastante apena.

A razão para isso é que os ganhos se tornam bem mais sustentáveis, lhe permitindo viver só da internet mais facilmente.

Tráfego pago x orgânico – Qual a diferença?

Tráfego pago x orgânico – Qual a diferença?

Visto que agora você já compreendeu o verdadeiro conceito do tráfego orgânico, é preciso entender a diferença dele para o pago.

Bom, como já é nítido, a principal diferença entre ambos é que no tráfego pago você precisa fazer um investimento para ser capaz de atrair visitantes para o seu blog ou site.

Desse modo, será preciso realizar campanhas e links patrocinados para que a sua página da internet seja exibida entre os primeiros resultados de uma determinada busca.

Todavia, o grande problema do tráfego pago é que você precisa ter sempre dinheiro para fazer investimentos, pois só assim as campanhas continuaram ativas e trazendo resultados.

Afinal, sem capital os seus anúncios vão sai do ar e você não vai ter mais visitas vindas dessa estratégia.

Por sua vez, o tráfego orgânico não requer você faça investimentos de forma direta, o que significa que as visitas continuam sempre a surgir.

Além disso, essa estratégica orgânica traz resultados que são sustentáveis e escaláveis, mesmo que demorem para surgirem.

Apesar dessa diferença crucial, ambas ações são importantes e são extremamente recomendadas para quem deseja ganhar dinheiro na internet.

Isso porque, elas basicamente se complementam e potencializam os resultados da sua marca.

Afinal, o tráfego pago lhe faz ter conversões rápidas, garantindo que você tenha um retorno em pouco tempo.

Por sua vez, o orgânico tende a demorar um pouco mais, mas quando bem feito, os retornos são constantes.

Benefícios do tráfego orgânico

Você sabe por que o tráfego orgânico é muito almejado pelos empreendedores digitais? Por causa dos benefícios, que são muitos. Veja os principais!

Escalabilidade

Anúncios pagos não tem escalabilidade, pois uma vez que você não tem mais dinheiro para investir, seu tráfego vai diminuir.

Além desse fator, o valor para ter um bom número de visitas no seu blog ou site pode ser alto.

Em contrapartida, trabalhar com o tráfego organicamente garante a escalabilidade dos seus resultados.

Afinal de contas, quanto mais visitas você tiver, menor vai ser o custo para mantê-las em alta.

Construção de relacionamento

O tráfego pago é recomendado para as pessoas que querem fazer uma venda rápida.

Portanto, dentro dessa realidade, para construir um relacionamento e acompanhar os seus visitantes durante a jornada da compra, apostar no orgânico é muito melhor.

Duração

Além dos benefícios citados, o tráfego orgânico é excelente por conta da duração, já que ele não tem prazo de validade.

Dessa forma, isso quer dizer que uma única publicação pode ser capaz de gerar centenas de milhares de vendas durante um longo período.

E, como você sabe, no tráfego pago isso não acontece, pois os resultados só se sustentam com investimentos sendo aplicados.

O Relevância

O Google e todos os canais que disponibilizam as estratégias pagas mostram para as pessoas que aquele determinado anúncio foi pago para aparecer ali.

Por conseguinte, os usuários ficam cientes de forma automática de que aquele blog ou site vai tentar vender algo.

Logo, isso impacta de modo direto na confiança das informações que estão presentes ali.

Em contrapartida, com o resultado orgânico você é visto como uma página confiável.

Então, se torna possível ganhar credibilidade do usuário já no primeiro contato.

E como gerar tráfego orgânico?

E como gerar tráfego orgânico?

É claro que para ter resultados no tráfego orgânico você precisa adotar algumas ações.

Óbvio que todas elas são gratuitas e trazem resultados ao longo prazo. Veja!

Palavras chaves bem selecionadas

As palavras chaves bem selecionadas são uma das partes mais importantes das estratégias para conseguir visitas organicamente que tem relação direta com o SEO.

O motivo para isso é que elas consistem em palavras que as pessoas utilizam para fazer uma determinada busca online.

Dessa forma, é importante que esses termos sejam usados nos seus conteúdos, pois assim será possível alcançar um bom número de visitas.

E como escolher as palavras chaves corretas? Use o Google Trends, já que ele fornece os termos que são mais usados dentro de um determinado nicho.

Desenvolva conteúdos relevantes

Além das palavras chaves corretas, para conseguir um bom tráfego orgânico, ainda é importante que você desenvolva conteúdos que sejam relevantes para o público alvo.

Isso porque, só conseguindo entender o que os seus potenciais clientes desejam é que você vai ser capaz de fornecer algo que ganhe destaque.

Portanto, sabendo disso, crie conteúdos que sejam únicos e que tragam informações importantes para o leitor.

Além desse fator, trabalhe com artigos com mais de 600 palavras para ganhar credibilidade com o Google e assim conseguir uma boa colocação.

Se quiser aprender mais sobre escrita e Copywriting – escrevi um artigo sobre o assunto, basta CLICAR AQUI

Publique com frequência

O trafego orgânico só acontece verdadeiramente quando você se atenta ao fator da frequência dos seus conteúdos.          

Afinal, como já foi citado, se trata de uma estratégia que traz resultados a longo prazo.

Logo, lançar um artigo por mês, por exemplo, não vai fazer você ter um bom número de visitas.

À vista disso, desenvolva um calendário de publicações e sempre mantenha seu site ou blog atualizado.

Isso porque, um blog atualizado é bem mais confiável do que aquele que tem apenas uma publicação de 2018, por exemplo.

Conclusão

Agora você já sabe tudo sobre tráfego orgânico e tem as informações completas e verdadeiras referentes a essa estratégia.

Então, apesar dos desafios que você vai encontrar na sua jornada, seja paciente e coloque em prática as ações mencionadas acima.

Desse modo, os resultados vão surgindo e você vai começar a ter ótimos ganhos através da internet.

>> NÃO ESQUECE DE COMPARTILHAR ESSE CONTEÚDO NAS SUAS REDES SOCIAIS. <<

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.